07 setembro 2004

Poesia e Contemplação



NOTA DO EDITOR 
(Da edição em língua inglesa)

Com este volume, o leitor é introduzido a uma nova coleção: a Coleção de Estudos Cistercienses, um complemento a Coleção dos Antigos Pais do Monaquismo Cisterciense. Esta coleção visa colocar esses Pais dos Cistercienses em seu pleno contexto histórico, enquanto realça sua relevância para a época atual. Os países de língua inglesa terão assim, à sua disponibilidade, alguns estudos contemporâneos significativos, bem como vários textos monásticos do passado, de valor perene.


A primeira vista, o livro de Thomas Merton poderia parecer não enquadrar-se neste escopo. Fala pouco, de modo direto, nos Pais dos Cistercienses. Porém, apresenta ele, de fato, e na sua maneira insuperável, o contexto, entre todos verdadeiro, no qual encontram esses escritos desses Pais seu verdadeiro lugar. Eles escreveram e falaram primeiramente para um auditório monástico (embora, é certo, não esperassem que sua influência se limitasse a isso). O fim que tinham em vista, na maior parte de seus escritos, como nos conta São Bernardo nas explanações sobre o Cântico dos Cânticos não era tanto fornecer às mentes quantidades de informações, como mover os corações à ação. E a ação dos monges é oração. Em uma palavra, os escritos de nossos primeiros Pais, na maioria dos casos, tinham como propósito primordial criar um clima de oração monástica.


Esperamos que os esforços editoriais despendidos ao lançar esta nova coleção acessível aos países de língua inglesa contribuirão para criar uma crescente conscientização espiritual, não apenas entre nossos monges e nossas monjas, mas em todos os cristãos. Desejamos, é claro, que esses escritos informem realmente, mas também que movendo os cristãos a ação. Da mesma maneira que as Cistercían Fathers Series, esta coleção é dedicada a Maria, Rainha e Mãe da Ordem Cisterciense.



M. BASIL PENNINGTON, O. C. S O.

Há uma reflexão extraída deste livro no blog:

Nenhum comentário: