31 dezembro 2012

O que é a contemplação

“A contemplação é a penetração repentina e intuitiva daquilo que realmente É; o salto inesperado do espírito de uma pessoa para dentro da luminosidade existencial da Realidade em si mesma, não só pela intuição metafísica do ser, mas pela plenitude transcendente de uma comunhão existencial com Aquele que É.”

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 14
No Brasil: O Homem Novo (AGIR, Rio de Janeiro), 1966, p. 12


Um pensamento para reflexão: “A contemplação é a perfeição do amor e do conhecimento.”

O Homem Novo, Thomas Merton

24 dezembro 2012

Uma paz embrionada

“E, devido à placidez da neve, imaginei que minhas novas ideias estavam gerando em mim paz interior.”

A Merton Reader, de Thomas Merton

 Ed. by Thomas P. McDonnell, (Nova York: Image Books, 1989) pág. 51

Um pensamento para reflexão: “Podemos iniciar o trabalho que Ele nos pede: o de devolver a ordem à sociedade e trazer paz ao mundo…”

Fé e violência, Thomas Merton

17 dezembro 2012

Traçar o próprio caminho

“Como esperar alcançar o fim de nossa viagem se tomamos o caminho que leva à cidade de outros? Como esperar atingir nossa própria perfeição, levando a vida dos outros? A santidade deles jamais será a nossa; devemos ter a humildade de elaborar nossa própria salvação na obscuridade, onde estamos completamente sós...” 

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton 
(New Directions, New York), 1961. p. 105 
No Brasil: Novas Sementes de Contemplação, (Ed. Fissus, Rio de Janeiro), 2001. p. 103 

Um pensamento para reflexão: “Não é nada humilde insistir em ser quem não somos.” 
Novas Sementes de Contemplação, Thomas Merton

10 dezembro 2012

Thomas Merton: 44 anos de sua Páscoa

* Prades/França: 31-01-1915 | + Bangkok /Tailândia: 10-12-1968

Transcorre hoje o 44º aniversário da partida de Merton para a casa do Pai! Como de costume, várias celebrações ocorrem em várias partes do mundo relembrando sua vida entre nós.

Façamos memória e acompanhemos seus últimos momentos durante a Conferência aos Monges e Monjas da Ásia, ocorrida em Bangkok no dia 10-12-1968 (clique aqui para assistir o vídeo). Sua despedida "Eu vou desaparecer" é o préludio de sua trágica partida.

Mais Dele do que meu

“Nossos pensamentos e desejos, nossas ações são, de direito, mais Dele do que nossos. Todavia, temos de lutar para estarmos seguros de que Deus recebe de nós o que lhe devemos.”

Life and Holiness, de Thomas Merton
(Image Books, New York) 1963, p. 12
No Brasil: Vida e Santidade, (Editora Herder, São Paulo), 1965, p. 23

Um pensamento para reflexão: “Somos templos do Espírito Santo.”
Vida e Santidade, Thomas Merton

03 dezembro 2012

Misticismo é amizade

“O místico, isto é, o contemplativo, não apenas vê e toca o que é real, mas além da superfície de tudo o que existe, ele chega à comunhão com a Liberdade, que é a fonte de toda realidade. Esta Realidade, esta Liberdade, não é um conceito, não é uma coisa, não é um objeto, nem mesmo um objeto de conhecimento: é o Deus Vivo, o Santo, Aquele ao qual ousamos atribuir um Nome unicamente por que Ele nos revelou um Nome; mas Ele está acima de todo Nome.” 

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 15
No Brasil: O Homem Novo (Vozes, Petrópolis), 2006, p. 13

Reflexão da semana 03-12-2012

Um pensamento para reflexão: “A contemplação é aquela sabedoria que faz do ser humano um amigo de Deus.”

O Homem Novo, Thomas Merton

26 novembro 2012

Necessário é o diálogo

“O simples fato de viver em solidão não isola o homem, como o simples fato de viver com outros homens não leva os homens à comunhão. A vida em comum pode tornar alguém mais 'pessoa' ou menos 'pessoa'; isso depende de que seja de fato vida em comum ou apenas vida no seio da multidão.”

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1961. p. 55
No Brasil: Novas Sementes de Contemplação, (Ed. Fisus, Rio de Janeiro), 2001. p. 61-62



Um pensamento para reflexão: “Viver em comunhão, em autêntico diálogo com outros, é absolutamente necessário para que o homem permaneça humano.”

Novas Sementes de Contemplação, Thomas Merton

19 novembro 2012

Coisas passadas

“Dou graças a Deus por esses cheiros tão bons, pelos bons sons e pelas boas visões, mas de que vale ficar ligado a eles, sentado aqui revolvendo-os na memória e se atardando nas recordações que eles trazem, acalentando tristeza por essas coisas passadas?".

The Intimate Merton, editado por Jonathan Montaldo e Patrick Hart, OCSO
(HarperSanFrancisco, San Francisco, CA), 1999. p. 4-5
No Brasil: Merton na Intimidade (Editora Fisus, Rio de Janeiro), 2001. p. 5

Reflexão da semana 19-11-2012

Um pensamento para reflexão: “A gratidão mostra sua reverência a Deus pela maneira como ela faz uso dos Seus dons.”
Homem algum é uma ilha, Thomas Merton

12 novembro 2012

O fim específico da Graça

“A Graça nos é dada com o fim específico de capacitar-nos a descobrir e realizar nosso si-mesmo mais profundo e mais verdadeiro. Enquanto não descobrirmos este si-mesmo profundo, que está escondido com Cristo em Deus, nunca nos conheceremos realmente como pessoas.” 

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 43
No Brasil: O Homem Novo (Vozes, Petrópolis), 2006, p. 26

Reflexão da semana 12-11-2012

Um pensamento para refexão: “A Graça não nos segura como se fôssemos aviões ou foguetes guiados por controle remoto.”

O Homem Novo, Thomas Merton

05 novembro 2012

Democracia e responsabilidade

“Não há nenhum exagero em dizer que a sociedade democrática está fundada sobre uma espécie de fé: a convicção de que cada cidadão é capaz de assumir e assume inteira responsabilidade política.”

Conjectures of a Guilty Bystander, de Thomas Merton
(Doubleday, New York), 1966. p. 100
No Brasil: Reflexões de um espectador culpado, (Editora Vozes, Petrópolis), 1970. p. 115

Reflexão da semana 05-11-2012

Um pensamento para reflexão: Partimos do pressuposto de que poderíamos ser “espectadores” e de que nossa qualidade como observadores neutros poderia preservar nossa inocência e isentar-nos de responsabilidade.
Raids on the Unspeakable, Thomas Merton

29 outubro 2012

Sobre a fé

“É a fé, e não a imaginação, que nos dá a vida sobrenatural; a fé é que nos justifica; a fé é que nos conduz à contemplação.”

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1961. p. 154
No Brasil: Novas Sementes de Contemplação, (Ed. Fisus, Rio de Janeiro), 2001. p. 154
Reflexão da semana 29-10-2012

Um pensamento para reflexão: “A fé penetra no intelecto, não através dos sentidos simplesmente, mas por uma luz infusa diretamente pela ação de Deus.”
Novas sementes de contemplação, Thomas Merton

23 outubro 2012

A experiência do ser

“As ações são as portas e as janelas do ser. E a experiência de nossa existência não é possível sem alguma experiência do saber ou alguma experiência da experiência.”

Thoughts in Solitude, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux Publishers, New York), 1958. p. 121
No Brasil: Na liberdade da solidão, (Editora Vozes, Petrópolis), 2001. p. 90

Reflexão da semana 21-10-2012

Um pensamento para reflexão: “Encontramos Deus em nosso próprio ser, que é o espelho de Deus.”  
Na liberdade da solidão, Thomas Merton

15 outubro 2012

Entre profundezas e superfícies

“No silêncio enfrentamos e admitimos a brecha entre as profundezas de nosso ser, que ignoramos constantemente, e a superfície que é infiel à nossa própria realidade. Reconhecemos a necessidade de estar à vontade conosco a fim de ir ao encontro dos outros, não com apenas uma máscara de afabilidade, mas com um compromisso real e um amor autêntico.”

Love and Living, de Thomas Merton
Editado por Naomi Burton Stone e Patrick Hart, OCSO
(Farrar, Straus and Giroux, New York) 1979, p. 41
No Brasil:
Amor e Vida, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2004. p. 44


Reflexão da semana 15-10-2012

Um pensamento para reflexão: “Essa é a razão para escolher o silêncio.”
Amor e Vida, Thomas Merton

08 outubro 2012

Perfeita com Sabedoria

“No instante em que o primeiro ser humano entrou na existência, movido pelo sopro de Deus, as profundezas do centro de sua alma perfeita incendiaram-se com a chama silenciosa e magnífica da sabedoria.”

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 53-54
No Brasil: O Homem Novo (Vozes, Petrópolis), 2006, p. 30

Reflexão da semana 08-10-2012

Um pensamento para reflexão: “Todas as coisas eram belas e boas, mas só quando vistas e amadas Nele.”
O Homem Novo, Thomas Merton

01 outubro 2012

Ser humano

“Jamais poderei encontrar-me se me isolar dos demais homens como se eu fora uma espécie diferente de ser.”

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1961. p. 51
No Brasil: Novas Sementes de Contemplação, (Ed. Fisus, Rio de Janeiro), 2001. p. 58

Reflexão da semana de 01-10-2012 

Um pensamento para reflexão: “Tenho de procurar minha identidade de algum modo, não só em Deus, mas também nos outros.”
Novas Sementes de Contemplação, Thomas Merton

24 setembro 2012

Autoconquista

“A verdadeira autoconquista é a conquista de nós mesmos, não por nós, mas pelo Espírito Santo. A conquista de si próprio é, na realidade, a entrega de si próprio.”

Thoughts in Solitude, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux Publishers, New York), 1958. p. 18
No Brasil: Na liberdade da solidão, (Editora Vozes, Petrópolis), 2001. p. 26

Reflexão da semana 24-09-2012

Um pensamento para reflexão: “Antes de podermos entregar-nos, é necessário tornarmo-nos nós mesmos. Pois ninguém pode entregar o que não possui”.
Na Liberdade da Solidão, Thomas Merton

17 setembro 2012

Revolução pessoal

“O amor afeta mais do que o nosso pensamento e o nosso comportamento para com aqueles que amamos. Ele transforma nossa vida toda. O amor genuíno é uma revolução pessoal. O amor toma suas ideias, seus desejos e suas ações e funde-os a todos em uma experiência e uma realidade viva que é um novo você.”

Love and Living, de Thomas Merton
Editado por Naomi Burton Stone e Patrick Hart, OCSO
(Farrar, Straus and Giroux, New York) 1979, p. 28
No Brasil: Amor e Vida, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2004. p. 29
Reflexão da semana   17-09-2012

Um pensamento para reflexão: “Jamais seremos plenamente reais até deixarmos a paixão se apoderar de nós – seja por uma pessoa humana ou por Deus.”
Amor e Vida, Thomas Merton


10 setembro 2012

Onipresença

“O Senhor viaja em todas as direções ao mesmo tempo.
O Senhor chega de todos os lados ao mesmo tempo.
Onde estivermos, achamos que Ele acaba de partir.”

No Man is an Island, de Thomas Merton
(Harvest Book, New York), 1983. p. 239
No Brasil: Homem algum é uma ilha, (Editoria Verus, Campinas), 2003. p. 201
Reflexão da semana 10-09-2012

Um pensamento para reflexão: “Aonde quer que fomos, descobrimos que Ele acaba de chegar à nossa frente.”
Homem Algum é uma Ilha, Thomas Merton

03 setembro 2012

Imagem e semelhança

“Quando Deus soprou no rosto de Adão, tudo ficou vivo no ser humano: não só seu corpo e sua mente, mas também seu espírito no qual a imagem de Deus estava escondida. A imagem de Deus estava viva com semelhança de Deus, isto é, com contemplação.”

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 71
No Brasil: O Homem Novo (Vozes, Petrópolis), 2006, p.37

Reflexão da semana 03-09-2012

Um pensamento para reflexão: “A 'imagem' de Deus encontra-se na estrutura da alma – conciência, pensamento, amor.”

O Homem Novo, Thomas Merton

27 agosto 2012

Sobre o desapego

"Não nos desapegamos das coisas para nos apegarmos a Deus, mas nos desapegamos de nós mesmos de maneira a ver e usar todas as coisas em e para Deus."

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1961. p. 21
No Brasil: Novas Sementes de Contemplação, (Fisus, Rio de Janeiro), 2001. p. 29
 Reflexão da semana 27-08-2012

Um pensamento para reflexão: "Desapegar-se das coisas não significa criar uma contradição entre as 'coisas' e 'Deus', como se fora Deus outra 'coisa' e Suas criaturas fossem Suas rivais."

Novas sementes de contempalção,
Thomas Merton

20 agosto 2012

O que a vida espiritual não é

"A vida espiritual não é vida mental. Não é só pensamento. Nem tampouco, é claro, é vida de sensações, vida de sentimentos - "sentir" e experimentar as coisas do espírito e as coisas de Deus."

Thoughts in Solitude, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux Publishers, New York), 1958. p. 15
No Brasil:  Na liberdade da solidão, (Editora Vozes, Petrópolis), 2001. p. 24
Reflexão da semana 20-08-2012

Um pensamento para reflexão: "Tudo tem de ser elevado e transformado pela ação de Deus, no amor e na fé."

Na liberdade da solidão,
Thomas Merton

13 agosto 2012

A verdadeira solidão

“É certo dizer que se entra na solidão para se “chegar à raiz da existência”? Seria melhor dizer simplesmente que na solidão estamos na raiz. Aquele que está sozinho, e está consciente do que significa a sua solidão, encontra-se simplesmente na base da vida.”

Love and Living, de Thomas Merton
Editado por Naomi Burton Stone e Patrick Hart, OCSO
(Farrar, Straus and Giroux, New York) 1979, p. 22
No Brasil: Amor e Vida, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2004. p. 23
Reflexão da semana de 13-08-2012

Um pensamento para reflexão: “Será que não podemos ser simplesmente nós mesmo sem pensar nisso? Está é a verdadeira solidão.”
Amor e Vida, Thomas Merton

06 agosto 2012

Hiroshima: 67 anos depois

O Japão lembrou nesta segunda-feira a bomba atômica lançada pelos americanos em Hiroshima há 67 anos atrás, deixando cerca de 140 mil mortos. 

 
Atento a toda aquela situação, Thomas Merton contra-atacou com um poema, enfocando um símbolo da paz para os japoneses: os Origamis. 

Clique aqui para conferir!

Solidão repartida

“A verdadeira [solidão] é desinteressada. É, por isso, rica de silêncio, de caridade e de paz. Ela descobre em si mesma reservas de bem aparentemente inesgotáveis para repartir com os outros.”

No Man is an Island, de Thomas Merton
(Harvest Book, New York), 1983. p. 248
No Brasil: Homem algum é uma ilha, (Editoria Verus, Campinas), 2003. p. 209


Reflexão da semana 06-08-2012

Um pensamento para reflexão: “O verdadeiro solitário tem de reconhecer sua obrigação de amar os homens e as criaturas de Deus.”
Homem algum é uma ilha, Thomas Merton

30 julho 2012

A noite mística

"A noite mística não é mera noite, ausência de luz. É uma noite santificada pela presença de uma luz invisível (de que nosso fogo sacramental e visível, ardendo nesta noite, é apenas testemunho). O fulgor da luz eterna é tão grande que não podemos vê-lo, e todas as outras luzes se tornam escuridão se comparadas a ele."
 

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 247
No Brasil: O Homem Novo (Vozes, Petrópolis), 2006, p. 118
Reflexão da semana 30-07-2012

Um pensamento para reflexão: "Essa luz brilha nas trevas, mas se o próprio Deus não nos arranca das trevas, não somos iluminados por Ele, mesmo que Ele esteja presente."
O Homem Novo, Thomas Merton

23 julho 2012

Estar consciente

"A vida de contemplação implica dois planos de tomada de consciência: primeiro, estar consciente da pergunta e, segundo, estar consciente da resposta. Conquanto sejam esses dois planos distintos e tremendamente diferentes, são, todavia, uma tomada de consciência da mesma coisa. A pergunta é, ela mesma, a resposta. E nós mesmos somos ambas."

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1962. p. 4
No Brasil: Novas sementes de contemplação (Editora Fisus, Rio de Janeiro), 2001, p. 11

Reflexão da semana 23-07-2012
 
Um pensamento para reflexão: E tudo se resume numa única tomada de consciência – não uma proposição, mas uma experiência: “EU SOU”.
Novas sementes de contemplação, Thomas Merton

16 julho 2012

Do homem bom

"O homem bom vem de Deus e volta para ele. Começa pelo dom do ser e pelas capacidades que Deus lhe deu. Alcança a idade da razão e principia a fazer opções."

Thoughts in Solitude, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux Publishers, New York), 1958. p. 10
No Brasil: Na liberdade da solidão, Thomas Merton (Editora Vozes, Petrópolis), 2001, p.20

Reflexão da semana 16-07-2012

Um pensamento para reflexão: “Conhece-se o homem, portanto, pelo seu fim. Também se faz conhecer pelo seu início.”
Na liberdade da solidão, Thomas Merton

09 julho 2012

Quem somos e o que temos

“A vida consiste em aprender a viver de maneira autônoma, espontânea e livremente: para isso é preciso reconhecer-se a si mesmo – estar familiarizado e à vontade consigo mesmo. Isso significa, basicamente, aprender quem somos e aprender o que temos para oferecer ao mundo contemporâneo e, depois, aprender como fazer para que essa oferta seja válida.”

Love and Living, de Thomas Merton
Editado por Naomi Burton Stone e Patrick Hart, OCSO
(A Harvest/HBJ Book, Harcourt Brace Jovanovich, San Diego), 1979. p. 3
No Brasil: Amor e Vida, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2004. p. 3
Reflexão da semana 09-07-2012


Um pensamento para reflexão: “O mundo é feito de pessoas que estão plenamente vivas dentro dele: isto é, de pessoas que podem ser elas mesmas nele e podem nele estabelecer umas com as outras uma relação viva e frutífera.”
Amor e Vida, Thomas Merton

02 julho 2012

Sobre a esperança e as criaturas

"A esperança nos retira inteiramente deste mundo, embora aí continuemos em corpo. A nossa mente retém a visão clara do que é bom nas criaturas. A nossa vontade permanece casta e solitária no meio de toda beleza criada..."  
No Man is an Island, de Thomas Merton
(Harvest Book, New York), 1983. p. 253
Homem algum é uma ilha (Verus, 2003) p. 212

Reflexão da semana de 02-07-2012

Um pensamento para reflexão: "A chuva cessa, e o canto puro de um pássaro anuncia, de repente, a diferença entre o céu e o inferno.”
Homem Algum é uma Ilha, Thomas Merton

25 junho 2012

O Homem Novo

O Homem Novo é uma obra de espiritualidade repleta de beleza e profundidade teológica. (...) Com comentários cheios de significado e simbolismo, explica como este processo de aperfeiçoamento envolve dimensões pessoais e existenciais radicais e precisa ser acompanhado de mudanças interiores e exteriores, em nosso coração e em nosso modo de agir, para que nos tornemos um novo ser humano.


Clique aqui e pesquise exemplares novos ou usados deste livro!

O Blog já possui 9 postagens deste livro:

A alma humana e a imagem de Deus
A noite mística
Espontaneidade mística

Imagem e semelhança
Liberdade de escolha

Misticismo é amizade
O fim específico da Graça
O que é a contemplação
Perfeita com Sabedoria

Espontaneidade mística

"Uma vez que retomamos o contato com nosso eu mais profundo, com um amor-próprio ordenado que é inseparável do amor de Deus e de Sua verdade, descobrimos que todo bem se desenvolve a partir de dentro de nós, crescendo da oculta profundeza do nosso ser segundo as normas concretas e existenciais formuladas pelo Espírito que nos é dado por Deus. Esta espontaneidade mística (que começa com a livre opção de fé e cresce com o nosso crescimento na caridade) dá o tom de toda a nossa vida moral."

The New Man, de Thomas Merton
(Farrar, Straus, and Giroux, NY) 1961 p. 112
No Brasil: O Homem Novo (Vozes, Petrópolis), 2006.

Reflexão da semana 25-06-2012

Um pensamento para reflexão: A lei da nossa vida pode ser resumida no axioma “seja quem você é”.
O Homem Novo, Thomas Merton

18 junho 2012

Merton na Intimidade

Nestas memórias em forma de diário, composta das passagens mais pungentes e plenas de insights de seus diários, Merton na Intimidade mostra-nos quão íngreme foi o caminho espiritual de Thomas Merton. Selecionada dos sete volumes dos seus diários pessoais, esta crônica de vinte e nove anos aprofunda e amplia a história que Merton contou, e que o fez famoso, em A Montanha dos Sete Patamares.

Adquirir esta obra? clique aqui!

O Blog possui 09 Reflexões extraídas deste belíssimo livro:
Em busca de paz - Parte 1
Em busca de paz - Parte 2

Três palavras importantes

"Atenção: Concentração do espírito no coração. Vigilância: Concentração da vontade no coração. Sobriedade: Concentração do sentimento no coração."

The Intimate Merton, editado por Jonathan Montaldo e Patrick Hart, OCSO
(HarperSanFrancisco, San Francisco, CA), 1999. p. 327
No Brasil: Merton na Intimidade (Editora Fisus, Rio de Janeiro), 2001. p.374

Reflexão da semana de 18-06-2012

Um pensamento para reflexão: "A vida contemplativa tem de oferecer uma área, um espaço de liberdade, de silêncio, no qual possibilidades podem aflorar e novas opções se tornam manifestas."
Merton na Intimidade, Thomas Merton

11 junho 2012

Comunhão: profundidade da comunicação

E o nível mais profundo de comunicação não é comunicação, mas comunhão. É sem palavras. Está além das palavras, está além da fala e está além do conceito. Não que descubramos uma nova unidade. Descobrimos uma unidade mais antiga. Caros irmãos, já estamos lá. Mas imaginamos que não estamos. E o que temos de recuperar é a nossa unidade original. O que temos de ser é o que somos.

The Asian Journal of Thomas Merton
(New Directions Publishing Corp. New York), 1975  p. 308
No Brasil: O Diário da Ásia de Thomas Merton, (Ed. Vega, Belo Horizonte), 1978, p.242
Reflexão da semana de 11-06-2012

Um pensamento para reflexão: “Nossa real jornada na vida é interior: é uma questão de crescimento, de aprofundamento e de entrega ainda maior à ação criativa do amor e da graça em nossos corações.
O Diário da Ásia, Thomas Merton

04 junho 2012

Simplicidade e liberdade interior

A vida de contemplação em ação e pureza de coração é, portanto, uma vida de grande simplicidade e liberdade interior. Não se busca nada de especial nem se exige nenhuma satisfação em particular. Está-se contente com o que é.

The Inner Experience, de Thomas Merton
Editado por William H. Shannon
(HarperSanFrancisco, San Francisco) 2003, p. 66
No Brasil: A Experiência Interior, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2007. p. 94.
Reflexão da semana de 04-06-2012

Um pensamento para reflexão: É possível nadar com a correnteza viva da vida e permanecer, em todo momento, em contato com Deus, no oculto e ordinário do momento presente com sua óbvia tarefa.
 A Experiência Interior, Thomas Merton

28 maio 2012

Sobre a esperança

A esperança real, portanto, não está em algo que pensamos poder fazer, mas em Deus que está fazendo algo bom com isto de uma forma que não podemos ver. Se pudermos fazer Sua vontade, estaremos ajudando neste processo. Mas não necessariamente saberemos tudo sobre isto de antemão.

The Hidden Ground of Love
, de Thomas Merton
Editado por William H Shannon
(Farrar, Straus & Giroux, New York), 1985. p. 297

Reflexão da semana 28-05-2012

Um pensamento para reflexão: A mensagem de esperança que o contemplativo te oferece… é… que, quer o entendas ou não, Deus te ama, está presente em ti, vive em ti, reside em ti, te chama, te salva e te oferece um entendimento e uma luz que não são semelhantes a nada jamais encontrado em livros ou ouvido em sermões.
The Hidden Ground of Love, Thomas Merton

21 maio 2012

Felicidade possível

…São verdades com as quais, ao longo de séculos, o homem construiu, lentamente e com dificuldade, um mundo civilizado no empenho de tornar a felicidade possível, não apenas melhorando a vida material, mas ajudando os homens a entenderem e viverem suas vidas de modo mais fecundo.

Honorable Reader: Reflections on My Work, de Thomas Merton
Editado por Robert E. Daggy
(Crossroads, Nova York) 1989, p. 125

Reflexão da semana de 21-05-2012

Um pensamento para reflexão: A chave para este entendimento é a verdade que “Homem algum é uma ilha”. Uma vida egoísta não pode ser fecunda.
Honorable Reader, Thomas Merton

14 maio 2012

Amor é o meu nome

Dizer que sou feito à imagem de Deus é dizer que o amor é a razão de minha existência, pois Deus é amor. O amor é a minha verdadeira identidade. O desapego é o meu verdadeiro ser. O amor é a minha verdadeira personalidade. Amor é o meu nome.

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1962. p. 60
No Brasil: Novas sementes de contemplação (Editora Fisus, Rio de Janeiro), 2001, p. 66

Reflexão da semana de 14-05-2012

Um pensamento para reflexão: Para encontrar o amor, tenho de entrar no santuário onde ele está oculto, que é o mistério de Deus.
Novas sementes de contemplação, Thomas Merton

07 maio 2012

A experiência interior

"Fielmente compilado por Willian Shannon, o último livro de Merton nos apresenta tanto o sentido quanto a prática diária da contemplação, que é o coração da vida monástica e, na verdade, de toda experiência religiosa. Merton não se sentia à vontade para publicar o texto e ainda o estava revisando quando de sua morte repentina." (trecho da orelha do livro)



Para adquirir o livro A Experiência Interior, clique aqui!

O Blog já possui 21 Reflexões desta importante obra. Confira clicando aqui!

Vida simples

"Caminhar pela rua, varrer o chão, lavar a louça, escolher feijão, ler um livro, passear pelo bosque – tudo pode ser enriquecido pela contemplação e pela obscura percepção da presença de Deus."

The Inner Experience, de Thomas Merton
Editado por William H. Shannon
(HarperSanFrancisco, San Francisco) 2003, p. 66
No Brasil: A Experiência Interior, (Martins Fontes Editora, São Paulo), 2007. p. 94.

Reflexão da semana de 07-05-2012

Um pensamento para reflexão: "Ninguém se preocupa com os resultados do que está feito."
A Experiência Interior, Thomas Merton

30 abril 2012

Sobre a contemplação

"A contemplação não pode ser ensinada. Não pode sequer ser claramente explicada. Para falar dela, só é possível aludir, sugerir, apontar, simbolizar. Quanto mais se tenta analisá-la de forma objetiva e científica, mais se esvazia a contemplação de seu conteúdo real, pois essa experiência está fora do alcance da verbalização e da racionalização..."

New Seeds of Contemplation, de Thomas Merton
(New Directions, New York), 1962. p. 6
No Brasil: Novas sementes de contemplação (Editora Fisus, Rio de Janeiro), 2001, p. 15
Reflexão da semana de 30-04-2012

Um pensamento para reflexão: "Só vivenciando a contemplação é possível livrar-se das concepções erradas a seu respeito."

Novas sementes de contemplação, Thomas Merton

23 abril 2012

Para conhecer Deus

"Você quer conhecer a Deus? Então aprenda a entender as fraquezas e as imperfeições de outros homens. Mas como entender as fraquezas de outros sem entender as suas próprias? E como perceber o significado de suas próprias limitações sem ter recebido misericórdia de Deus, pela qual você se conhece a si mesmo e a Ele?"

No Man is an Island, de Thomas Merton
(Doubleday & Company, New York), 1955. p. 163
No Brasil: Homem Algum é uma Ilha, (Verus Editora, Campinas), 2003. p. 183
Reflexão da semana de 23-04-2012

Um pensamento para reflexão: "Não basta perdoar: é preciso perdoar com humildade e compaixão. Perdoar sem humildade é um escárnio, que nos supõe melhores do que os outros."
Homem algum é uma ilha, Thomas Merton

16 abril 2012

Um outro mundo num "eu" mais que profundo

"Para encontrar o “mundo” real, não basta apenas medir e observar o que está fora de si: é preciso descobrir nosso próprio solo interior. Pois é ali que o mundo está, antes de mais nada: em meu eu mais profundo."
Contemplation in a World of Action, de Thomas Merton
(Doubleday & Co., Garden City, NY), 1973. p. 170
No Brasil: Contemplação num mundo de ação, (Editora Vozes, Petrópolis), 1975

Reflexão da semana de 16-04-2012

Um pensamento para reflexão: Quando encontro o mundo em meu próprio solo, é impossível que eu seja alienado por ele.

Contemplação em um mundo de ação, Thomas Merton

09 abril 2012

Destinados a amar

Todos nós devemos acreditar no amor e na paz. Devemos acreditar no poder do amor. Devemos reconhecer que nosso próprio ser é alicerçado no amor; ou seja, que viemos a existir porque somos amados e porque somos destinados a amar a outros.

Honorable Reader: Reflections on My Work, de Thomas Merton
Editado por Robert E. Daggy
(Crossroad, Nova York) 1985, p.123

Reflexão da semana de 09-04-2012

Um pensamento para reflexão: Nada existe de mais positivo, mais criativo, do que a fé pela qual o Criador de tudo reside e age em nossos corações.
Honorable Reader, Thomas Merton

02 abril 2012

Se você quer uma vida espiritual...

"Se você quer uma vida espiritual, precisa unificar sua vida. A vida é ou toda espiritual ou nada espiritual. Ninguém pode servir a dois senhores. A sua vida é plasmada pela finalidade para a qual você vive. Você é feito à imagem do que deseja."

Thoughts in Solitude, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux Publishers, New York), 1958. p. 56
No Brasil: Na liberdade da solidão, (Editora Vozes, Petrópolis), 2001.

Reflexão da semana de 02-04-2012

Um pensamento para reflexão: "Onde não há paz, não há luz."
Reflections on My Work, Thomas Merton

26 março 2012

O barulho que embaralha

Os que amam seu próprio barulho são impacientes com todo o resto. … Nosso barulho, nossos negócios, nossos objetivos e todas as nossas afirmações presunçosas sobre nossos objetivos, nossos negócios e nosso barulho: estes são a ilusão.

No Man is an Island, de Thomas Merton
(Harcourt Brace Jovanovich, Publishers, New York), 1955. p. 257
No Brasil: Homem Algum é uma Ilha, (Verus Editora, Campinas), 2003

Reflexão da semana 26-03-2012
 
Um pensamento para reflexão: Não é o falar que rompe o nosso silêncio, mas a ansiedade de sermos ouvidos. 
Na liberdade da solidão, Thomas Merton

19 março 2012

Este dia não voltará

Uma suave tarde de verão. Brisa fresca e céu claro.
Este dia não voltará.
Os novilhos estão deitados sob uma árvore no canto de seu campo.
Tarde calma. Colinas azuis. Os lírios ondulam ao vento.
Este dia não voltará.

Conjectures of a Guilty Bystander, de Thomas Merton
(Image, New York) p. 45
No Brasil: Reflexões de um espectador culpado, (Editora Vozes, Petrópolis), 1970.
Reflexão da semana de 19-03-2012 

Um pensamento para reflexão: Momento após momento, lembro com assombro de que estou, ao mesmo tempo, cheio e vazio, e satisfeito porque estou vazio.
Reflexões de um espectador culpado, Thomas Merton

12 março 2012

Desprezar o mundo não é escolha, é fuga!

Escolher o mundo é escolher realizar o trabalho de que sou capaz, em colaboração com meu irmão e irmã, para tornar o mundo melhor, mais livre, mais justo, mais propício à vida, mais humano. Hoje é óbvio, de forma transparente, que meros “rejeição automática do mundo” e “desprezo pelo mundo” na verdade não constituem escolha, mas fuga diante da escolha.

Contemplation in a World of Action, de Thomas Merton
(Doubleday, Garden City, NY), 1973. p.164-165

No Brasil: Contemplação num Mundo de Ação (Ed. Vozes, Petrópolis), 1975
Reflexão da semana de 12-03-2012 

Um pensamento para reflexão: Não tive escolha quanto à época que me coube viver, mas tenho, sim, escolha em relação à atitude que tomo e o modo e a extensão de minha participação em seus acontecimentos atuais.

Contemplação em um mundo de ação, Thomas Merton

05 março 2012

A morte de uma vida egoísta

Viver só para si mesmo é morrer. Crescemos e desabrochamos em nossas vidas na medida em que vivemos para outros e através de outros. O que nos falta, Deus lhes deu. Eles devem completar-nos ali onde somos deficientes.

Seasons of Celebration, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux, New York) 1950.
No Brasil: Tempo e Liturgia, (Editora Vozes, Petrópolis), 1968.

Reflexão da semana de 05-03-2012 


Um pensamento para reflexão: Devemos permanecer sempre abertos uns aos outros para que sempre possamos compartilhar uns com os outros.
Tempo e Liturgia, Thomas Merton

27 fevereiro 2012

Minha maior ambição: ser o que já sou!

"Por fim estou chegando à conclusão de que minha maior ambição é ser o que já sou. Que só cumprirei minha obrigação de superar-me se primeiro me aceitar e, se me aceitar plenamente da maneira certa, já terei me superado. Pois é o eu que não aceito que me atrapalha e continuará a me atrapalhar enquanto não for aceito."
 
A Search for Solitude, de Thomas Merton
Editado por Lawrence S. Cunningham
(São Francisco, HarperSanFrancisco, 1996), p. 220

Reflexão da semana de 27-02-2012 

Um pensamento para reflexão: "Nossa semelhança com Deus começa em casa. Primeiro devemos tornar-nos semelhantes a nós mesmos e parar de viver 'fora de nós'."
A Search for Solitude, Thomas Merton.

20 fevereiro 2012

Graça e violência humana

“A ação tão delicada da graça na alma é profundamente perturbada por toda violência humana. A paixão, quando desordenada, faz violência contra o espírito, e sua mais perigosa violência é aquela na qual parecemos encontrar paz. A violência só é inteiramente irremediável quando deixa de nos perturbar”

Thoughts in Solitude
, de Thomas Merton
(Farrar, Straus and Giroux Publishers, New York), 1958. p. 114
No Brasil: Na liberdade da solidão, (Editora Vozes, Petrópolis), 2001. p. 86

Reflexão da semana de 20-02-2012 

Um pensamento para reflexão
: “A paz gerada pela graça é uma estabilidade espiritual profunda demais para ser atingida pela violência ­­– é inabalável, a não ser que nós mesmos deixemos o poder da paixão entrar no nosso santuário.”
Na liberdade da solidão, Thomas Merton